AVENGED SEVENFOLD - THE WICKED END

Loading...

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Valor Primordial - Igualdade

Poema Igual - Desigual de Carlos Drummond de Andrade

Eu desconfiava:
todas as histórias em quadradinho são iguais,
todos os filmes norte americanos são iguais,
todos os filmes de todos os países são iguais,
todos os best-sellers são iguais,
todos os campeonatos nacionais e internacionais de futebol são iguais,
todas as mulheres que andam na moda são iguais,
todos os sonetos, gázeis, virelais, sextinas, e rondós são iguais
e todos os poemas em verso livre são enfadonhamente iguais.

Todas as guerras do mundo são iguais,
todas as fontes são iguais,
todos os amores iguais, iguais, iguais,
iguais todos os rompimentos,
a morte é igualissima.
Todas as criações da natureza são iguais.
todas as acções cruéis, piedosas ou indiferentes são iguais.
Contudo, o homem não é igual a nenhum outro homem, bicho ou coisa.

Ninguém é igual a ninguém.
Todo o ser-humano é um estranho ímpar.




Tradução da Música Break on Through dos The Doors

Tu sabes que o dia destrói a noite
A noite divide o dia
Tentei correr,Tentei esconder-me
Atravessa para o outro lado
Atravessa para o outro lado
Atravessa para o outro lado, yeah

Caçamos nossos prazeres aqui ,
Cavamos nossos tesouros ali ,
Tu ainda te lembras da época em que choramos?
Atravessa para o outro lado
Atravessa para o outro lado

yeah!
vamos, yeah

Todos amam a minha miúda,
Todos amam a minha miúda
Ela fica
Ela fica
Ela fica
Ela fica pedrada

Encontrei uma ilha nos seus braços
Um país em seus olhos
Braços que nos acorrentam, Olhos que mentiram
Atravessa para o outro lado
Atravessa para o outro lado
Atravessa,wow, oh yeah!

Fiz a cena de semana a semana
Dia a dia, hora a hora
O portão é recto, Profundo e largo
Atravessa para o outro lado
Atravessa para o outro lado
Atravessa
Atravessa
Atravessa
Atravessa
Atravessa
Atravessa
Atravessa

Sem comentários:

Enviar um comentário